ADVENTO/NATAL: TODOS AQUI NASCEMOS!

27.11.2019

“Todos ali nasceram” (cf. Sl 86/87,5). É o que diz o salmista olhando para a colina de Sião, na cidade santa de Jerusalém. E nós, se descermos ali perto, até essa pequena cidade periférica chamada Belém, encontrar-nos-emos com o Presépio e aí poderemos contemplar o mistério de um Deus feito Homem. E também ali poderemos exclamar, cheios de espanto e gratidão, perante a vastidão do mistério do Natal: “Todos aqui nascemos”.

Sim. Todos aqui nascemos de novo. Todos aqui renascemos para uma outra vida, para uma vida nova. São João não hesita em afirmar: “Àqueles que O receberam e acreditaram no Seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus” (Jo 1,12).

Todos aqui nascem como filhos de Deus! Deus nasce para nos fazer plenamente filhos d’Ele. Todos filhos de Deus! Assim, entre o Natal de Jesus e o Batismo cristão há realmente uma afinidade de raiz: ambos celebram o nascimento pelo qual todos somos dados à luz como filhos de Deus.

O nascimento de Jesus traz consigo o apelo batismal a renunciar à impiedade e à mundanidade do homem velho, para nos revestirmos do Homem novo. O nascimento do Filho de Deus contém a graça e o apelo a nascer de novo, tal como Jesus o anunciará, um dia, pela noite dentro, a um homem velho chamado Nicodemos (cf. Jo 1,5-7).

O Natal está aí de novo, para nos fazer lembrar que também nós nascemos de novo e que esta dinâmica de renascimento marca o nosso caminho batismal e deve ser percorrido também neste tempo de preparação e de celebração do Natal de 2019. Porque todos aqui nascemos!

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload