Todos irmãos. Todos de Casa!

Caminhada de Advento e Natal 2020



Queridos Catequizandos e Encarregados de Educação!

O Papa Francisco pôs nas nossas mãos um programa de fraternidade e de amizade social, com a publicação da sua Encíclica “Fratelli tutti”, isto é, “Todos irmãos”. Preparar e celebrar o Natal é tomar consciência de que Jesus, o filho de Deus, ao fazer-Se homem, Se fez nosso irmão e nos fez todos irmãos e irmãos de todos!

Assim, todos nos devemos sentir de casa, seja na Casa Comum do Mundo, seja na Casa Comum da Igreja, seja na Casa Comum da Família. E se eu me sinto de casa em qualquer parte, não posso excluir ninguém, pois as dificuldades e necessidades dos outros são sentidas como minhas.

Neste Advento e Natal, até pela realidade da Pandemia que nos toca viver, somos convidados a cuidar, sobretudo, da Casa Comum da Família: é aqui que aprendemos a ser de casa! Mas não podemos deixar de ser “criativos no amor”, percebendo a nossa pertença à Casa Comum do Mundo e da Igreja. Que a família seja capaz de olhar para o exterior, para os seus vizinhos…, e compreender que eles também são de casa!

Em Belém, Jesus não encontrou uma casa que O recebesse! Que este tempo de Advento e Natal nos desafie a tornar “familiar” a presença de Jesus nas nossas casas, uma presença real e permanente: Deixemos que nas nossas famílias, também Jesus Se torne de casa, o Senhor da casa!

É este o grande desafio deste tempo de Advento e Natal: permitir que Jesus nasça na nossa casa! E se Ele é de casa, então, a nossa casa torna-se uma casa de todos, uma casa de gratuidade, de comunhão, de solidariedade, uma casa dos pobres, uma casa do amor fraterno, uma casa da participação de todos, sem deixar ninguém de fora ou para trás, muito menos os idosos, os avós.

(Cf. Caminhada Diocesana do Advento ao Batismo do Senhor 2020-2021)


Agora, está atento ao nosso site – www.querercrer.com – pois, todas as sextas-feiras, serão lançados novos desafios para a respetiva semana do Advento que se vai iniciar, de forma a que Jesus Se torne mais de casa e a nossa casa seja também uma casa para todos! A par destes desafios, poderão surgir também algumas propostas para reunir a família em oração: aproveitem-nas bem!

Desejamos uma ótima caminhada para todos em família. Um abraço apertado!

Os Catequistas do Seminário Passionista