top of page
Buscar

“Através do deserto, Deus guia-nos para a liberdade” Mensagem do Papa Francisco para a Quaresma


“Quando o nosso Deus Se revela, comunica liberdade”, assim inicia a Mensagem do Papa Francisco para a Quaresma 2024 que se aproxima. O Tempo da Quaresma deve ser um tempo de maior encontro com Deus, para nos libertarmos das nossas escravidões e assim renascermos para uma vida nova, de autêntica liberdade! Deste modo, Francisco convida-nos a viver, neste tempo, o encontro com Deus: “A Quaresma é o tempo de graça em que o deserto volta a ser – como anuncia o profeta Oseias – o lugar do primeiro amor (cf. Os 2, 16-17). Deus educa o seu povo, para que saia das suas escravidões e experimente a passagem da morte à vida. Como um esposo, atrai-nos novamente a Si e sussurra ao nosso coração palavras de amor”.

O êxodo da escravidão para a liberdade exige “escuta”. E Deus escutou o sofrimento do seu Povo! “Também hoje o grito de tantos irmãos e irmãs oprimidos chega ao céu. Perguntemo-nos: E chega também a nós? Mexe connosco? Comove-nos?”, questiona o Papa Francisco.

Se desejamos um mundo novo, temos de nos colocar ao lado de Deus na luta contra o mal. “É tempo de agir e, na Quaresma, agir é também parar: parar em oração, para acolher a Palavra de Deus, e parar como o Samaritano em presença do irmão ferido.

A Mensagem termina com a afirmação clara de que se houver verdadeira conversão da nossa parte, então aparecerão no mundo sinais de esperança. Por isso Francisco renova o convite feito aos jovens na JMJ em Lisboa: «Procurai e arriscai; sim, procurai e arriscai». Estás decidido, através do deserto, a deixar-te guiar por Deus para a liberdade?

Vale a pena ler a Mensagem do Papa na íntegra; eis o link:

 

Comments


bottom of page