top of page

Com Alegria… atreve-te!

III Domingo do Tempo Comum – Ano B

EVANGELHO – Mc 1, 14-20

Depois de João ter sido preso,

Jesus partiu para a Galileia

e começou a proclamar o Evangelho de Deus, dizendo:

«Cumpriu-se o tempo e está próximo o reino de Deus.

Arrependei-vos e acreditai no Evangelho».

Caminhando junto ao mar da Galileia,

viu Simão e seu irmão André,

que lançavam as redes ao mar, porque eram pescadores.

Disse-lhes Jesus:

«Vinde comigo e farei de vós pescadores de homens».

Eles deixaram logo as redes e seguiram-n’O.

Um pouco mais adiante,

viu Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João,

que estavam no barco a consertar as redes;

e chamou-os.

Eles deixaram logo seu pai Zebedeu no barco com os assalariados

e seguiram Jesus.

 

As primeiras palavras de Jesus, ao iniciar a sua pregação no meio dos homens, não se referem tanto a um tempo cronológico, mas ao tempo de Deus que quer oferecer o seu Reino a todos. E porque, com Jesus, o reino de Deus já está no meio de nós, então, com Alegria… atreve-te a acolhê-lo. É chegado o tempo!

Ora, para acolher o reino de Deus é preciso, em primeiro lugar, o arrependimento, a conversão. Estás disposto(a) a mudar algo na tua vida, a acertar os teus critérios pelos do nosso Mestre? Lembra-te, só te podes mudar a ti mesmo, não estejas à espera que os outros mudem primeiro. Por isso, com Alegria… atreve-te à mudança! Se fores diferente, se fizeres doutro modo…, algo novo surgirá!

Além da mudança, da conversão, para o acolher de verdade o reino de Deus, é preciso acreditar no Evangelho. Ora, Evangelho significa Boa Nova e esta é-nos oferecida por Jesus. Portanto, é necessário estar disponível para aderir a Jesus, à sua Palavra, ao seu estilo de vida. Se acreditas e confias que só em Jesus encontramos a verdadeira vida, então, com Alegria… atreve-te a dar espaço a Jesus no teu dia a dia!

 

É na Galileia, de onde nada podia vir de bom, que Jesus toma a iniciativa de chamar os seus primeiros discípulos; não gente culta e bem preparada, mas gente normal que vivia do seu trabalho, com virtudes e defeitos como todos nós. Hoje, nesta hora, Ele chama a ti e a mim, para sermos pescadores de homens, isto é, para, a seu lado, lutarmos pela construção desse reino de Deus, onde o amor, a paz e a justiça devem alcançar a todos, sem exceção. Serás capaz de responder ao chamamento de Jesus? Então, com Alegria… atreve-te a dizer “sim”!

Estes quatro homens, pescadores de profissão, foram decididos: sem colocarem questões, deixaram tudo para seguir Jesus. E seguir Jesus implica deixar o que é nosso – o nosso egoísmo e comodismo, e imitar o andamento do Mestre, viver com os mesmos sentimentos, dar a vida pelos outros. Mas ser cristão é isso mesmo: seguir Jesus! Portanto, com Alegria… atreve-te!

bottom of page