top of page

A alegria de ser discípulo de Jesus!

V Domingo da Páscoa – Ano B

EVANGELHO – Jo 15, 1-8

Naquele tempo,
disse Jesus aos seus discípulos:
«Eu sou a verdadeira vide e meu Pai é o agricultor.
Ele corta todo o ramo que está em Mim e não dá fruto
e limpa todo aquele que dá fruto,
para que dê ainda mais fruto.
Vós já estais limpos, por causa da palavra que vos anunciei.
Permanecei em Mim e Eu permanecerei em vós.
Como o ramo não pode dar fruto por si mesmo,
se não permanecer na videira,
assim também vós, se não permanecerdes em Mim.
Eu sou a videira, vós sois os ramos.
Se alguém permanece em Mim e Eu nele,
esse dá muito fruto,
porque sem Mim nada podeis fazer.
Se alguém não permanece em Mim,
será lançado fora, como o ramo, e secará.
Esses ramos, apanham-nos, lançam-nos ao fogo e eles ardem.
Se permanecerdes em Mim
e as minhas palavras permanecerem em vós,
pedireis o que quiserdes e ser-vos-á concedido.
A glória de meu Pai é que deis muito fruto.
Então vos tornareis meus discípulos».

 

Para ser discípulo de Jesus não basta ser batizado ou até frequentar a igreja. O verdadeiro discípulo de Jesus é aquele que partilha da mesma vida do Senhor, tal como os ramos numa videira! Este domingo deves perguntar-te, com toda a verdade, qual é o lugar que Jesus ocupa na tua vida: estás completamente ligado a Ele? Vives em intimidade com Jesus? Deixas-te guiar por Ele?... Então, sim, viverás a alegria de ser discípulo de Jesus, sendo um ramo da videira que é Cristo!

Uma forma concreta de estar unido a Jesus é através da sua Palavra que devemos conhecer, amar e viver! Procuras, cada dia, aprofundar o conhecimento desta Palavra? Acreditas que só ela é caminho de felicidade e salvação? Deixas que essa Palavra te vá transformando, de modo a viveres uma verdadeira conversão? Se queres viver a alegria de ser discípulo de Jesus, então, coloca sempre a sua Palavra como o GPS da tua vida, sabendo que ela te afasta dos caminhos do egoísmo e do individualismo, e te conduz pelas estradas da proximidade e da compaixão pelos outros!

A palavra mais utilizada por Jesus nos poucos versículos que hoje nos são oferecidos, no contexto da Última Ceia com os seus Apóstolos, é o verbo “permanecer”. Hoje é-nos difícil assumir compromissos estáveis, viver relações duradoiras, estar muito tempo nisto ou naquilo, ou até mesmo com alguém; cansamo-nos demasiado depressa, queremos experimentar tudo, acabando por nada saborear de verdade…. Serás capaz de permanecer com Jesus? Só assim sentirás a alegria de ser discípulo!

Permanecendo com Jesus, a tua vida também será missionária, pois Deus atenderá os teus pedidos e darás aqueles frutos saborosos à medida de Jesus, pois será a sua Vida a revelar-Se em ti e nos teus gestos. A alegria de ser discípulo de Jesus será a alegria de ser discípulo-missionário da sua Igreja!

bottom of page